DESIGN E ECONOMIA CRIATIVA


Brasília sedia em outubro evento de Design e Economia Criativa; entrada gratuita. Primeira edição do Salão Brasil Criativo apresenta uma seleção de produtos de qualidade, cujo conceito básico é a criatividade, o design e a sustentabilidade com preços acessíveis

Promover o design brasileiro e a criatividade. Este é o principal objetivo do 1º Salão Brasil Criativo – Design & Negócios, que ocorre de 30 de outubro a 1º de novembro, na capital federal.

Com formato inovador, tendo a iconografia de Brasília e seu estilo de vida como fonte de inspiração, o evento receberá expositores de diversos estados e tipos de negócios como joias e bijuterias de design, artigos de decoração, souvenires, móveis, artesanato de design, entre outros produtos desenvolvidos com cunhos sustentável e criativo.

“O salão apresenta uma seleção de produtos de qualidade, cujo conceito básico é a criatividade, o design e a sustentabilidade, com preços acessíveis”, destaca Cristina Malheiros, coordenadora do evento.

Cristina comenta, ainda, sobre a escolha da capital federal para sediar o evento. “Atualmente, cerca de 72% de todos os eventos de negócios do país são realizados em São Paulo. Por ser uma cidade moderna, com população de alto poder aquisitivo e ponto de conexão com várias cidades do Brasil e exterior, queremos incrementar o turismo de negócios local, transformando Brasília em um novo centro para eventos setoriais no país”, afirma.

Além dos expositores selecionados pela curadoria do salão, o evento terá mostras, palestras, oficinas, áreas de alimentação com food trucks e bistrôs apresentando a gastronomia criativa; ourives para pequenos consertos e limpeza de joias; personal shopper para auxiliar os consumidores em suas compras; e uma agência de receptivo turístico, oferecendo passeios que, por meio de experiências genuínas, apresenta Brasília como se o visitante fosse um autêntico morador da cidade.

Luxo para Todos

Com curadoria da Ota Design, empresa de São Paulo com mais de 14 anos no mercado, o Salão Brasil Criativo contará com o Espaço ‘luxoparatodos’ que convida os visitantes a contemplarem uma forma de consumo sofisticada, humanizada e consciente.

O espaço traz arquitetos, designers, artistas plásticos e empresas da área para apresentar novidades e tendências que valorizem o estilo e o caráter único das peças.

“O luxo não precisa ser uma peça cara. A criatividade, a beleza e o caráter único podem transformar algo simples em luxuoso”, comenta Marisa Ota, proprietária da Ota Design e organizadora da ‘luxoparatodos’; e das feiras Paralela Gift e Paralela Móvel, que acontecem em São Paulo.

Marisa comenta, ainda, sobre a expectativa de trazer a exposição pela primeira vez para o Distrito Federal. “É um misto de expectativa para expandir novos mercados e conhecer o público da capital do país. Queremos que os brasilienses tenham experiências positivas e únicas no nosso espaço”, destaca.

Natural de Brasília

Durante os três dias do Salão Brasil Criativo, Brasília será destaque no Espaço ‘Natural de Brasília’, sob a curadoria do Experimente Brasília, que visa reunir a diversidade do que vem sendo produzido e criado na região.

Na ocasião, os visitantes poderão conhecer vários aspectos da moda, arte, design, joalheria artística e mobiliários brasilienses. “Queremos que o público conheça a produção dessa cidade que já nasceu sob o ícone do design”, afirma Patrícia Herzog, uma das curadoras do espaço.

Patrícia comenta, também, que o espaço terá lançamentos de produtos, mostras e oficinas. “Os visitantes poderão interagir com o espaço e com os próprios expositores por meio das capacitações que serão oferecidas”, destaca.

Economia Criativa

A economia criativa, que são os modelos de negócios com origem em atividades, produtos ou serviços desenvolvidos a partir da criatividade, é o mote principal do Salão Brasil Criativo.

De acordo com pesquisa da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), essa modalidade de negócio é um dos setores econômicos que mais crescem no mundo em geração de renda, empregos e ganhos na exportação.

A pesquisa da Unesco é de 2013, mas de acordo com Hécliton Santini Henriques, presidente do Instituto Brasil de Economia Criativa (IBRAEC), a economia criativa é uma modalidade que veio para ficar. “Com a crise que assola o país o mercado necessita de renovação. A criatividade e o design tornam-se instrumentos de competitividade e inovação para incrementar a economia”, ressalta.

Serviço

O quê: Salão Brasil Criativo – Design & Negócios
Quando: 30 e 31 de outubro das 10h às 20h e 1º de novembro das 10h às 19h
Onde: Centro de Convenções Ulysses Guimarães, Brasília-DF
Classificação Indicativa: Livre
Quanto: Gratuito
Quem promove: Instituto Brasil de Economia Criativa (IBRAEC)

Quem apoia: Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos (IBGM)
Informações: www.salaobrasilcriativo.com.br ou telefone (61) 3326-0096

Sobre o Salão Brasil Criativo

Estamos vivendo em um momento de “nuvem criativa” e as iniciativas neste sentido estão por toda parte. Da oportunidade desse momento atual surgiu o Salão Brasil Criativo, um espaço para promover a criatividade e venda de produtos de design, em um novo formato, com estandes mais abertos para receber os visitantes, com experiências sensoriais, vivências, para atrair o desejo de pertencimento e de consumo. O evento é promovido pelo Instituto Brasil de Economia Criativa (IBRAEC).

Anterior TOUR DO ENCONTRO DE YOUTUBERS
Próximo CAPITAL INICIAL E SEU JORGE