CRUZEIRO VENCE NOS PÊNALTIS


Foi uma classificação épica, na raça, mostrando toda a força e peso da camisa celeste, uma das mais vitoriosas do país. Assim podemos começar a falar da excelente vitória do Cruzeiro sobre o Grêmio, no segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil.

O placar de 1 a 0 mostrou a superioridade da Raposa sobre o time gaúcho e levou a equipe para a sétima final da competição nacional. O sonho do pentacampeonato foi aberto aos seis minutos do segundo tempo com o gol do volante Hudson, depois de ótimo escanteio do Thiago Neves.

Com o resultado do tempo normal, a partida foi para a disputa de pênaltis e valeu a mística camisa celeste, copeira e de grandes resultados no Mineirão. A Raposa venceu por 3 a 2 e vai para a finalíssima enfrentar o Flamengo que eliminou o Botafogo. As datas estão marcadas para os dias sete e 27 de setembro. Os mandos de campo serão decididos em sorteio nesta quinta-feira, na CBF.

O Jogo

O primeiro lance de perigo da partida foi do Grêmio. Aos quatro minutos, Luan fez boa jogada no meio e lançou Lucas Barrios no meio da zaga. O atacante avançou e de frente para o gol chutou para a ótima defesa do Fábio.

A Raposa chegou pela primeira vez aos 11 minutos. Thiago Neves ganhou do adversário na entrada da área e arriscou para o gol. A bola passou muito perto da trave e ainda contou com o desvio do zagueiro.

O jogo seguiu muito disputado, com muita marcação no meio. Aos 32 minutos, Robinho recebeu e achou Alisson entrando dentro da área, o atacante cabeceou e Marcelo Grohe fez excelente defesa.

Aos 40 minutos, falta na entrada da área para a Raposa. Thiago Neves foi para a cobrança e bateu para a boa defesa de Marcelo Grohe, no rebote, a zaga afastou.

Segunda etapa

O Cruzeiro foi o primeiro a assustar na etapa complementar. Escanteio para área e Hudson tocou fraco para a defesa de Marcelo Grohe, bem colocado.

Aos seis minutos escanteio para o Maior de Minas. Thiago Neves foi para a cobrança e mandou na cabeça de Hudson que testou para o fundo das redes. 1 a 0 para o Cruzeiro. Festa no Mineirão.

A Raposa por pouco não ampliou aos 17 minutos. Outro escanteio e Thiago Neves fez excelente cruzamento, Raniel pegou de voleio e a bola passou por cima do gol de Grohe.

O Jogo seguiu bastante disputado, mas os times pouco arriscaram a gol. O juiz deu três minutos de desconto e a partida foi para a disputa dos pênaltis.

Disputa dos pênaltis

Fernandinho (Grêmio) Gol
Rafael Sóbis (Cruzeiro) gol
Edilson (Grêmio) trave
Robinho (Cruzeiro) Grohe defendeu
Everton (Grêmio) trave
Murilo (Cruzeiro) Grohe defendeu
Arthur (Grêmio) gol
Raniel (Cruzeiro) gol
Luan (Grêmio) Fábio defendeu
Thiago Neves (Cruzeiro) gol

Cruzeiro 3 a 2, classificado!!!!!

CRUZEIRO 1 X 0 GRÊMIO

Motivo: Jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil
Data: 23/08/2017 (quarta-feira)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes – RJ (FIFA)
Assistentes: Rodrigo F Henrique Correa – RJ e Thiago Henrique Neto Correa Farinha – RJ
Público: 55.227 presentes
Renda: R$ 1.730.781,00
Gol: Hudson aos seis minutos do segundo tempo
Cruzeiro: Fábio; Ezequiel, Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson (Rafael Sóbis) e Robinho; Thiago Neves, Alisson (De Arrascaeta) e Elber (Raniel).
Técnico: Mano Menezes
Grêmio: Marcelo Grohe; Edílson, Bressan (Bruno Rodrigo), Kannemann e Cortez; Arthur, Ramiro (Fernandinho) e Michel, Pedro Rocha, Luan e Lucas Barrios (Everton).
Técnico: Renato Gaúcho
Cartões amarelos: Diogo Barbosa, Thiago Neves (Cruzeiro), Lucas Barrios, Cortez, Edilson (Grêmio)

Anterior TIMÃO VENCE A CHAPE EM CONDÁ
Próximo FLA ESTÁ NA FINAL DA COPA