“FESTA DO AMOR”: COLABORE COM O EVENTO DE ENCERRAMENTO


Bola de Fogo, de Fábio Osório Monteiro
Bola de Fogo, de Fábio Osório Monteiro | Foto: Patricia Almeida

Campanha de financiamento coletivo vai viabilizar a “Festa do Amor”, com abertura de exposição, mostra de videodança, peça de dança e o “Bloco do Amor”

Reaberto em fevereiro depois de ter sido reformado, o Centro de Dança do DF, gerido pela Secretaria de Estado da Cultura do Distrito Federal, festeja o encerramento das atividades desenvolvidas ao longo do ano. Para isso, a Conexões Criativas, associação que vem gerindo a programação do local em parceria com o poder público, lança uma campanha de financiamento coletivo para custear parte do evento, a “Festa do Amor”, que acontecerá no dia 8 de dezembro (sábado), a partir das 16h. Para colaborar, basta acessar a página http://bit.ly/centrodedancadf e escolher as retribuições desejadas.

A “Festa do Amor” celebra o corpo como agente principal de um mundo e de uma dança múltiplos, diversos, complexos e propositivos. Começará às 16h, com a abertura de uma nova exposição no local, “Lambe-dança: uma retrospectiva da Conexões Criativas no Centro de Dança”, com registros das variadas atividades realizadas ao longo do ano, feitos pela fotógrafa Karina Zambrana. Também às 16h, se inicia a exibição da mostra de videodança “Discoreografia”, de Elisabete Finger.

Às 17h, todos poderão assistir à peça “Bola de Fogo”: uma dança regada a azeite de dendê do artista Fábio Osório Monteiro, que é também baiana de acarajé, devidamente registrada na Associação Nacional das Baianas de Acarajé, Mingau, Receptivo e Similares (ABAM). A criação busca relacionar o fato de ele ser um artista atuante na cena contemporânea, tendo trabalhado com importantes artistas brasileiros e internacionais, e sua necessidade de subsistência diante da instabilidade dos tempos atuais. Depois da apresentação, ele seguirá vendendo seus deliciosos acarajés.

A programação se estende, a partir das 18h, com opções de food trucks de bebidas e comidas e com performance inédita do “Bloco do Amor”, bloco de carnaval do DF. Defendendo que toda forma de amor é válida, o bloco inclui no repertório música brega, latina e brasileira.

Recompensas

Quem contribuir para esse evento acontecer garantirá recompensas. Uma delas, para o valor de R$ 20, é o acarajé de Fábio Osório Monteiro, feito com ingredientes vindos direto da Bahia. Já quem colaborar com R$ 50 vai levar uma camiseta com o lema “Arte como luta”, desenvolvida pela artista Talitha Andrade em parceria com a designer Juliana Rangel. O combo com acarajé e camiseta irá para quem oferecer a partir de R$ 60.

Centro de Dança do DF

Fundado em 1993 e com histórico fundamental para a cena da dança brasiliense e brasileira, o Centro de Dança oferece espaço físico de ponta para o desenvolvimento de atividades que desdobrem e contribuam para as políticas públicas do setor. Tendo sido locus de companhias importantes como ASQ, Alaya Dança, baSiraH, Beton, Grupo Stillo, entre outras, o Centro passou a fazer parte, em 2009, dos equipamentos públicos de cultura gerenciados pela Secretaria de Cultura do Distrito Federal.

O Centro de Dança do DF foi reaberto em fevereiro, após cinco anos fechado e uma ampla reforma que requalificou toda sua estrutura, com valor aproximado de R$ 3,2 milhões financiados pela Terracap (Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal). Estão renovadas as suas cinco salas de práticas corporais, sete salas de produção, gestão e reflexão teórica, além de videoteca, jardim interno, salão de estar e cozinha.

Desde a reabertura, a gestão da programação do local vem sendo conduzida pela Secretaria de Cultura em parceria com a Conexões Criativas, associação selecionada por meio de edital público. A colaboração é baseada na Lei Federal 13.019/2014, conhecida como Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC), está integrada ao programa “Lugar de Cultura”, de valorização e preservação do patrimônio da cidade, e alinhada à Política de Estímulo e Valorização da Dança do DF.

Bola de Fogo, de Fábio Osório Monteiro
Bola de Fogo, de Fábio Osório Monteiro | Foto: Patricia Almeida
Anterior SAPEKA-AÍ NO PARQUE RECEBE INTÉRPRETE DE ESCOLA DE SAMBA
Próximo GABRIEL BONI E MC MANEIRINHO SÃO ATRAÇÕES DA PINK ELEPHANT