GDF promove ações contra descarte irregular de lixo


Força Tarefa no Água Quente atende pedidos da comunidade. Foto Divulgação/GDF

Serviços atendem Setor Habitacional Água Quente e SMPW, orientando população sobre a responsabilidade na coleta de entulhos

As administrações regionais do Recanto das Emas e do Park Way estão pondo em prática ações que visam manter as cidades limpas, evitando descartes irregulares de lixo e infestações de insetos e roedores. Os serviços, em parceria com outros órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF), estão sendo realizados no Setor Habitacional Água Quente e na Quadra 20 do Setor de Mansões SMPW.

No Setor Habitacional Água Quente, a Administração do Recanto das Emas está atendendo pedidos dos moradores com a execução de uma força tarefa para resolver os principais problemas identificados no local. Duzentas toneladas de lixo já foram recolhidas das ruas. A gerência do Setor também tem acompanhado de perto as obras de revitalização da ponte Weslian Roriz, localizada na DF-280, e um serviço de terraplanagem comandado por técnicos da Administração está desobstruindo as principais vias da região.

O Departamento de Estrada e Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) participa da operação em conjunto, direcionando seus profissionais e máquinas para realizarem a roçagem do mato nas margens da rodovia que cruza a região. O objetivo é que essas ações continuem ocorrendo com frequência no local.

SMPW

Já no Park Way, a Administração Regional realizou na manhã desta quinta-feira (24) a “Ação de Conscientização de Descarte Correto para o Lixo Verde”. O objetivo da iniciativa é mostrar à comunidade que, de acordo com a Política Distrital de Resíduos Sólidos, a coleta e destinação correta dos restos de podas de árvores (como troncos, galhos e folhas) e de jardinagem (lixo verde) é de responsabilidade de quem os produz.

O trabalho no SMPW busca também conscientizar a comunidade sobre as práticas de compostagem caseira e contratação de contentor para destinação adequada do resíduo verde como as melhores opções para se evitar irregularidades.

Inicialmente, a Administração Regional está orientando os moradores do Park Way para não descartarem lixo verde nas áreas públicas. Caso o problema persista, será encaminhado pedido ao órgão fiscalizador para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Anterior Inadimplência apresentou queda de 22% entre os jovens
Próximo Câmara aprova mudança no sistema de gestão na saúde