VARIZES: MITOS E VERDADES


Praticar atividade física é uma das formas de prevenir o problema

As varizes são veias dilatadas e deformadas, que surgem nas pernas e, normalmente, causam dores e inchaço. Pessoas que precisam ficar em pé ou sentadas por um longo período são as que mais tem facilidade de ter o problema. As veias das pernas, que reconduzem o sangue ao coração após ter irrigado os membros inferiores, possuem válvulas cuja finalidade é impedir o retorno do sangue aos pés pela ação da gravidade. Às vezes, essas válvulas não funcionam com eficiência e o sangue se acumula nas veias, provocando deformação, inchaço e alterações na sensibilidade da pele.

Geralmente as pessoas têm a sensação de perna pesada, cansada e, em casos extremos, podem acontecer feridas. Durante a menstruação e gravidez, os sintomas tendem a piorar.

Diagnóstico

O diagnóstico é feito em exame físico, seguido do ultrassom. “O mais importante ainda é o exame físico. O médico tem que examinar o paciente e saber o que ele está sentindo. Além disso, temos o Eco-doppler, um ultrassom utilizado para ver as veias que passam no sistema profundo e as superficiais. Feitos estes exames, traçamos o melhor tipo de tratamento para o paciente”, explica o cirurgião vascular do Hospital Anchieta, Ricardo Tavares.

Tratamento

Hoje em dia há várias alternativas de tratamento, que não são necessariamente cirúrgicas. Nas varizes pequenas, faz-se a escleroterapia, também conhecida por muitos como “aplicação”. Neste método, usa-se um líquido muito concentrado, chamado esclerosante, com microagulhas. Este produto provoca uma alteração na célula do vaso, fazendo com que ele desapareça.

“Mesmo nas varizes maiores, que ficam altas nas pernas, existe a possibilidade de fazer o procedimento não cirúrgico. E dentro do tratamento cirúrgico, há a possibilidade de utilização do laser, que é uma opção menos invasiva e dolorosa, e o paciente consegue voltar mais rápido à suas atividades cotidianas”, explica o especialista.

Mitos e verdades

“Fazer depilação, subir escada, andar de salto, sapateado ou qualquer atividade física não causam varizes. Ao contrário do que muitos pensam, os exercícios são ótimos para evitar este problema, diminuir as dores nas pernas e estimular a circulação do sangue. A principal causa do aparecimento de varizes é genética. As mulheres tem mais tendência que os homens, pelo hormônio feminino produzido e pelo uso de anticoncepcional. O consumo de cigarro também ocasiona o aparecimento de varizes”, conclui o cirurgião vascular Ricardo Tavares.

Não há muito o que fazer para prevenir o aparecimento das varizes, mas é importante que o paciente se alimente de forma saudável e, caso surja algum vasinho, já procure um tratamento. É recomendável caminhar para estimular a circulação do sangue e o crescimento de novos vasos saudáveis.

Da Redação | Foto John Download
Sugestões portalaquitem@gmail.com

Anterior SHOW INÉDITO DA NAÇÃO ZUMBI
Próximo CONFIRA AS ESTREIAS DE CINEMA