Verdão vence Sport e assume a vice-liderança do Brasileirão


O Palmeiras segue ganhando posições no Campeonato Brasileiro. Em partida válida pela 26ª rodada da competição, o Verdão venceu o Sport por 1 a 0, na Ilha do Retiro, na noite deste domingo (23), e assumiu o segundo lugar na tabela do Brasileirão. O atacante Willian saiu do banco no segundo tempo para marcar o gol do triunfo palestrino logo em seu primeiro lance no jogo.

O Maior Campeão do Brasil chegou aos 50 pontos conquistados no torneio com a vitória sobre o time rubro-negro. A equipe de Luiz Felipe Scolari está apenas um ponto atrás do líder São Paulo e supera o Internacional, na terceira posição com a mesma pontuação, no saldo de gols.

Com o resultado deste domingo, o Verdão alcançou a marca de 11 partidas sem perder no Brasileiro: foram oito vitórias (Paraná Clube, Vasco da Gama, Vitória, Botafogo, Chapecoense, Atlético-PR, Corinthians e Sport) e três empates (América-MG, Internacional e Bahia). A última vez que o time ficou invicto por tantos jogos na competição foi em 2016, ano em que se sagrou campeão brasileiro: à época, a série invencível foi de 15 duelos.

Além disso, o triunfo ampliou a sequência de invencibilidade do Alviverde fora de casa. Já são nove jogos sem sofrer revés fora de seus domínios. A série conta com vitórias sobre Cerro Porteño-PAR, Vitória, Chapecoense, Colo-Colo-CHI e Sport, e empates com Bahia (duas vezes), América-MG e Internacional. Foram onze gols marcados contra apenas dois sofridos.

O próximo compromisso da equipe será contra o Cruzeiro, na quarta-feira (26), às 21h45, pelo jogo de volta semifinal da Copa do Brasil, em Belo Horizonte-MG – o Verdão precisa reverter o revés de 1 a 0 sofrido no Allianz Parque. No domingo (30), o Palmeiras volta a enfrentar o Palestra de Minas, desta vez pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio do Pacaembu, às 11h.

O jogo

Após vencer o Colo-Colo-CHI por 2 a 0, em Santiago, no Chile, no jogo de ida das quartas de final da Conmebol Libertadores, o técnico Luiz Felipe Scolari foi a campo com uma escalação diferente contra o Sport. Dos 11 iniciais neste domingo (23), apenas Gustavo Gómez, Mayke, Thiago Santos, Jean e Lucas Lima participaram do triunfo pelo torneio continental.

Dono de um ótimo desempenho como visitante nesta temporada, o Palmeiras começou melhor do que os mandantes. A primeira grande chance de inaugurar o marcador em Recife foi logo aos cinco minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou nos pés de Deyverson, livre de marcação na entrada da área. O atacante bateu de primeira para a defesa do goleiro Magrão.

Aos 28, Lucas Lima sentiu lesão e precisou ser substituído pelo meio-campista Alejandro Guerra. O venezuelano não atuava desde o fim de maio, quando foi titular contra o próprio Sport, em partida do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

O Verdão diminuiu o ritmo depois dos minutos iniciais, enquanto o Sport tinha dificuldade para superar o sistema defensivo palestrino. A primeira etapa foi de poucas finalizações por parte das duas equipes.

O time de Felipão veio sem alterações na escalação para o segundo tempo. Mesmo sem mudanças, o Palmeiras voltou do intervalo eletrizante. No primeiro minuto de bola rolando, Thiago Santos cobrou falta em velocidade e pegou de surpresa a defesa rubro-negra, deixando Guerra frente a frente com Magrão. O meio-campista chutou de direita para defesa do arqueiro pernambucano.

Pouco depois, foi a vez de Deyverson tentar abrir o placar. O atacante driblou o goleiro, ficou livre de marcação e acertou a rede pelo lado de fora. Aos 14, o técnico Luiz Felipe Scolari fez sua segunda mudança no time e Dudu entrou no lugar de Hyoran no ataque.

Ainda com dificuldades para furar a defesa palmeirense, o Sport apostava nas bolas paradas e nos chutes de fora da área. Aos 22, Neto Moura arrematou de longe e obrigou Jailson a fazer uma defesa impressionante, espalmando com a ponta dos dedos. No lance seguinte, Ernando finalizou para fora após cobrança de escanteio. Era o melhor momento do time pernambucano partida.

O jogo era bastante movimentado no segundo tempo. Buscando a vitória, Felipão colocou Willian na vaga de Jean aos 35 minutos. O atacante retribuiu a confiaça do treinador e mostrou que tem estrela: logo em seu primeiro lance, em uma cobrança de escanteio, Willian ficou com o rebote após cabeçada Gustavo Gómez e chutou de pé direito para colocar o Verdão na frente. (Sport 0 x 1 Palmeiras)

Na zona de rebaixamento, a equipe de Recife se jogou ao ataque tentando achar um gol de empate. O Palmeiras, no entanto, conseguiu conter o ímpeto rubro-negro e garantiu a vitória pelo placar de 1 a 0.

Escalação: Jailson; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Thiago Santos, Felipe Melo, Lucas Lima (Alejandro Guerra), Jean (Willian) e Hyoran (Dudu); Deyverson.

Cartões amarelos: Luan e Felipe Melo.

GOLS DA RODADA

Anterior Botafogo vence o Vitória no Barradão, em jogo de 7 gols
Próximo Flamengo vence Atlético e vai a 48 pontos no Brasileirão